Perguntas e respostas sobre chás

Um grande número de pessoas estão adotando um estilo de vida mais saudável, por meio da atividade física e da boa nutrição. Como não poderia deixar de ser, as dúvidas e procura por informações crescem nessa mesma proporção.

Existem alguns questionamentos sobre os chás, pois são muito utilizados como alternativas a remédios caros e que resultam em reações desagradáveis. Esta postagem é para oferecer respostas embasadas no melhor conhecimento científico disponível na atualidade e deixar livre de preocupações os amantes dos chás.

Muitos estudos científicos apontam para os benefícios dos chás, advindos provavelmente de seus flavonoides. Flavonóides e outros polifenóis, que são fitonutrientes, trabalham como antioxidantes que podem proteger as células do corpo dos danos causados pelos radicais livres.

A primeira dúvida sempre é saber se beber chás pode melhorar a saúde. Provavelmente, mas as pesquisas que relacionam o consumo de chás e a prevenção de doenças ainda são muito novas para confirmar esta relação.

37 Ervas Chá (pacote)

 

Abaixo você pode conferir outras perguntas e respostas sobre os chás:

Os chás podem ter efeito diurético?

R: Embora a cafeína possa ter efeito diurético, o consumo da água usada no seu preparo anula este efeito. O efeito diurético depende da quantidade de cafeína contida no chá.

Como os Chás auxiliam programas de controle de peso?

R: Os chás auxiliam na hidratação do organismo, de uma forma gostosa, refrescante e com baixo teor calórico. Todo o plano sério de controle de peso recomenda que as pessoas tomem bastante líquido nos intervalos entre as refeições, pois além de suprir as necessidades do organismo, esse hábito aumenta a saciedade, diminui a compulsão alimentar e incrementa a eliminação de água e eletrólitos pela urina.

Os chás queimam gordura?

R: Não, os chás não queimam gordura. A ciência reconhece que a melhor forma para queimar gordura é através da alimentação equilibrada com calorias controladas e o aumento da atividade física.

Os chás causam taquicardia?

R: Assim como outras bebidas, os chás possuem uma pequena quantidade de cafeína. Essa substância, em pessoas sensíveis, pode causar um aumento na frequência cardíaca. O interessante é que cada pessoa tem uma sensibilidade diferente para a cafeína. Enquanto alguns podem consumir uma quantidade muito alta, sem sentir qualquer efeito indesejável, outros relatam taquicardia, insônia ou outros desconfortos com uma dose equivalente à metade de um cafezinho.

Pessoas com pressão alta ou com problemas cardíacos podem tomar os chás?

R: Hipertensos ou cardiopatas devem procurar um médico ou nutricionista para serem orientados antes de utilizarem chás. Não havendo contra-indicações, sabemos que qualquer pessoa com pressão alta ou doença cardíaca experimenta uma grande melhora na sua saúde com a redução de peso, principalmente se isso ocorrer diminuindo a gordura visceral. Além disso, os chás não contêm sódio em sua composição, pois esse eletrólito sim poderia aumentar a pressão arterial pela retenção de líquidos.

Veja também!  Dente-de-leão e suas propriedades medicinais

Estou amamentando e quando uso os chás, meu bebê sofre de insônia. Existe alguma relação?

R: Os chás possuem uma pequena quantidade de cafeína. Essa substância passa da circulação para o leite materno. Como já dissemos, existe uma grande variação na sensibilidade individual para os efeitos da cafeína. Assim como existem bebês que tomam leite com café, ou mesmo chás diretamente na mamadeira sem problemas, existem casos especiais como o citado acima, onde a mínima quantidade de cafeína presente no leite materno provocou efeitos indesejáveis no lactente. Assim, nunca é demais repetir que gestantes, lactentes, mães que amamentam e crianças somente devem utilizar chás, mediante o acompanhamento de um profissional da saúde.

Existe alguma relação entre tomar chás e ter ansiedade?

R: Sim, o abuso de chá e substâncias como café, tabaco, álcool e drogas diversas podem desencadear episódios ansiosos.

Mulheres grávidas podem tomar chás?

R: Na gravidez, é preciso cuidado com tudo o que você consome. Até essa bebida simples pode, sim, ser um problema. Alguns chás, inclusive, podem ser abortivos, caso dos de canela e de cravo-da-índia. Há aqueles que contêm grande quantidade de cafeína, como o preto e o mate. A cafeína deve ser excluída durante toda a gestação. Ela é um estimulante do sistema nervoso central, o que pode deixar a mulher agitada, com taquicardia, trazendo aceleração dos batimentos cardíacos não somente para ela, mas também para o bebê. A gestante deve optar pelos chás claros, mas não deve tomá-los todos os dias. Os mais indicados são os de erva doce, erva cidreira e alfazema, que têm efeito calmante. Por existirem poucos estudos sobre o efeito das plantas medicinais durante os nove meses, é preciso sempre conversar com o seu obstetra. Ele é quem vai avaliar a segurança de medicações e alimentos durante a gravidez.

Qual a quantidade de chá recomendada por dia?

R: Isso vai depender do seu objetivo ao tomar o chá. Se você toma apenas porque gosta, não existem dosagens, mas você deve ficar alerta ao excesso, que pode prejudicar ao invés de ajudar. Se você está tomando para emagrecer, a maioria pode ser tomada de 2 a 3 vezes por dia (1 xícara). Se é para melhorar o sono, você pode beber minutos antes de se deitar. E assim por diante. Você pode tomar entre as refeições,ou depois delas.

Colocar açúcar no chá pode prejudicar seu efeito?

R: Sim. Não é aconselhável usar açúcares, edulcorantes e nem o mel, pois podem atrapalhar a ação dos princípios ativos das plantas. O açúcar é a pior das opções por ser um carboidrato simples, de rápida absorção, alto valor calórico e nenhum nutriente.

Veja também!  Árvore - Pata-de-vaca

Perguntas e respostas sobre o chá verde

O chá verde é o chá mais popular entre os brasileiros. Ele desintoxica, melhora a digestão e ajuda a emagrecer. São vários os benefícios dessa bebida. Por ser o chá mais procurado, também existem dúvidas específicas sobre ele.

Aqui, você confere as respostas. Consulte o nosso guia e coloque esse hábito em prática!

Qual o jeito certo de preparar?

R: Coloque a água para ferver e assim que surgirem as primeiras bolhas de ar (antes de começar para valer o processo de ebulição), apague o fogo. Acrescente a erva e abafe por 2 ou 3 minutos. Depois é só coar e tomar.

E a medida ideal da erva e da água?

R: O ideal são 2 colheres de sopa para 1 litro de água, mas comece com apenas 1 colher, pelo menos até você se acostumar com o sabor do chá.

Dá para deixar o chá verde mais gostoso?

R: Você pode combiná-lo com cidreira, hortelã, erva-doce, casca de frutas (abacaxi ou manga) ou maçã seca para suavizar o sabor amargo, sem interferir nos efeitos terapêuticos da Camellia sinensis (nome científico da erva). Faça assim: ferva 1 litro de água com 1 pedaço médio de casca de abacaxi ou 1 punhado de folhas de cidreira, por exemplo. Desligue o fogo e acrescente o chá verde. Abafe por 2 ou 3 minutos e coe.

Veja também!  Curso Mestre Dos Destilados

Quantas xícaras de chá devo beber por dia para emagrecer?

R: De cinco a seis xícaras. Se você quiser ir além, beba no máximo 1,5 litro. Em grande quantidade, a erva pode causar diurese.

Qual a temperatura e o horário ideais para se beber o chá?

R: Em jejum, o ideal é tomar o chá morno – cai melhor no estômago vazio. Nos demais horários (lanches da manhã e tarde, meia hora antes ou duas depois das refeições principais), tome-o na temperatura que você preferir – quente, frio ou gelado –, desde que tenha sido feito da maneira adequada. E se você tiver insônia, tome a última xícara no máximo até as 17 horas.

Posso adoçar o chá verde?

R: Sim, mas use uma quantidade pequena de mel (uma colher de chá) ou de estévia. Açúcar e adoçantes químicos prejudicam o poder do chá de desintoxicar o organismo, dificultando a perda de peso.

O chá de saquinho funciona?

R: Geralmente, o chá de saquinho traz várias partes da planta, como folhas e talos. Isso diminui a concentração dos princípios ativos da erva e o efeito acaba sendo apenas aromático.

Na minha cidade só tem o chá em sachê. O que devo fazer?

R: Nesse caso, escolha um produto que traga no rótulo a informação de que a planta usada é a Camellia sinensis.

Posso tomar cápsula no lugar do chá?

R: Ao contrário do saquinho, a cápsula costuma ter uma dose altíssima do princípio ativo, o que pode interferir na qualidade do sono e na pressão arterial. Portanto, só deve ser usada se houver a indicação de um profissional (endrocrinologista, homeopata, fitoterapeuta ou nutricionista) de sua confiança.

O chá preto e o banchá têm o mesmo efeito do chá verde?

R: Todos os três são extraídos da mesma planta, a Camellia sinensis. A diferença é que o chá preto e o banchá passam por processos diferentes de torrefação e fermentação que reduzem os benefícios da erva, especialmente no caso do chá preto. O banchá oferece benefícios mais próximos ao do chá verde e tem o sabor mais suave.

Dá para fazer o chá horas antes de consumi-lo?

R: O ideal é beber o chá logo após ficar pronto, antes que o oxigênio do ar destrua parte dos componentes ativos. Mas a bebida preserva substâncias importantes para o corpo até 24 horas após o preparo. Depois disso, as perdas são consideráveis. Então, para facilitar a dieta, prepare de uma só vez a quantidade de chá necessária para um dia, e coloque-o numa garrafa térmica ou jarra de vidro ou inox (evite recipientes de plástico ou alumínio) dentro da geladeira.

Existe algum segredo para armazenar a erva?

R: Em local seco, fechado e ao abrigo da luz.

Tem alguma contra-indicação?

R: Sim. Grávidas, pessoas hipertensas ou com gastrite. Se estiver usando algum medicamento também é aconselhável perguntar ao seu médico se você pode consumir o chá verde.

O chá que é vendido pronto, tem o mesmo efeito?

R: Não. O chá verde pronto para beber não apresenta quantidade suficiente de fitoquímicos para o emagrecimento.

Qual é a média de peso que se perde por mês?

R: A redução de peso depende do metabolismo de cada pessoa, porém, estudos americanos dizem que perde-se 10% de gordura – em média — por mês.

Quando tomo o chá verde no jantar, não consigo ter uma boa noite de sono. Porque?

R: O chá verde altera o ciclo de sono e desperta a maioria das pessoas, pois ele contém cafeína. Se a bebida está prejudicando a sua noite de sono, evite tomar no horário noturno.



Qual o melhor horário para tomar os chás?

R: Entre as refeições. Nesse período, ele reduz o apetite.

Ele pode contribuir para o escurecimento dos dentes?

R: Não. A quantidade de cafeína presente, causadora desse tipo de problema, é baixa.

Estou amamentando, posso tomar o chá verde?

R: O chá não deve ser consumido por gestante ou por quem está amamentado. A erva altera o comportamento do bebê, deixando-o muito agitado. Em grande quantidade, o chá também pode sequestrar o ferro e provocar uma anemia.

Posso substituir a água diária pelo chá verde?

R: Não, a água é insubstituível. O chá verde não tem o papel de hidratação e é diurético.

Quando tomo o chá, me sinto fraca, enjoada e com náuseas! Gostaria de saber se isso é normal?

R: Não. Consulte um especialista.

É verdade que o leite corta algumas das propriedade do chá verde?

R: Sim. O leite e os derivados cortam as propriedades do chá. Não consuma os dois em uma mesma refeição. Por exemplo, um sanduíche com queijo não é bem vindo com o chá verde.

Ele pode provocar perda de potássio ou outros minerais?

R: Sim. Isso acontece porque ele aumenta muito o volume urinário. Mas se você ficar em até quatro xícaras, a perda é mínima e não provoca prejuízos à saúde.

Eu tomo anticoncepcional e comecei a tomar chá verde. Tem algum problema?

R: Não. Ele não prejudica o efeito do seu remédio.

O chá pode causar ansiedade?

R: Não. Ele não tem nenhuma propriedade que provoque ansiedade. Pelo contrário, a erva tem cortisol, hormônio que controla o stress.

Posso tomar o chá verde no chimarrão, substituindo o mate?

R: Sim. Tome juntamente com o mate



Conclusão

Enquanto as evidências sobre seus benefícios se acumulam, aproveite os chás como uma bebida saudável e hidratante. E para apreciá-lo da forma mais saudável não acrescente açúcar, se quiser uma bebida mais docinha acrescente um adoçante de boa qualidade.

Você também pode acrescentar fatias ou gotas de limão, laranja ou outra fruta cítrica no sabor original. Experimente o chá (exceto o chá verde) com um pouquinho de leite e o sabor será totalmente novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *